Portal 6

Escolas de Anápolis terão de ser desocupadas imediatamente, diz juiz

O juiz Carlos Eduardo de Souza, da comarca de Anápolis, determinou nesta quinta-feira (04) que todas as escolas ocupadas por manifestantes contrários ao sistema de gestão compartilhadas com Organizações Sociais (OS’s) sejam imediatamente desocupadas.

A decisão também estende o efeito ao Colégio Estadual Dr. Mauá Cavalcante Sávio, nas palavras do juiz, “invadida” nesta semana.

No documento, obtido com exclusividade pelo Portal 6, o magistrado ressalta que uma vez cumprida a orientação anterior, por parte da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), em promover audiência pública com manifestantes, a intimação do mandado de desapropriação está apto para ser entregue as pessoas que permanecem ocupando as escolas.

Em caso de descumprimento, o juiz Carlos Eduardo de Souza determinou que os ocupantes das escolas paguem multa de R$ 10 mil por dia “pela permanência indevida”.

As escolas ocupadas em Anápolis são:

Colégio Estadual Polivalente Frei João Batista
Ocupação: 14/12/2015

Colégio Estadual José Ludovico Almeida
Ocupação: 15/12/2015

Colégio Estadual Padre Fernando Gomes de Melo
Ocupação: 16/12/2015

Colégio Estadual Carlos de Pina
Ocupação: 16/12/2015

Colégio Estadual Américo Borges de Carvalho
Ocupação: 16/12/2015

Colégio Estadual Hertha Leyser Odwyer
Ocupação: 23/12/2015

Colégio Estadual Antensina Santana
Ocupação: 06/01/2016

Colégio Estadual Doutor Mauá Cavalcante Sávio
Ocupação: 01/02/2016

 

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.