Goiás teve superávit de R$ 836 milhões no 1º bimestre

Goiás teve superávit primário de R$ 836,796 milhões, e resultado nominal também positivo em R$ 116,4 milhões, no primeiro bimestre deste ano. É o que mostra o Relatório Resumido da Execução Orçamentária (RREO), publicado no Diário Oficial desta quarta-feira, dia 30, referente ao primeiro bimestre de 2016. A íntegra do relatório está no site Transparência Goiás.

As receitas totais citadas no balanço orçamentário, exceto as intraorçamentárias, ficaram em R$ 3,07 bilhões neste bimestre. As despesas liquidadas registraram R$ 2,4 bilhões. De acordo com o superintendente do Tesouro, Murilo Luciano Barbosa, o resultado está dentro das metas pactuadas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para esse exercício que prevê o resultado primário de R$ 111.482.411,05 milhões para o ano.

O RREO é um demonstrativo que espelha o resultado da execução orçamentária e financeira de cada bimestre, permitindo o acompanhamento pelo órgão de controle de contas (TCE) e também pela sociedade, que pode avaliar o desempenho da execução orçamentária da Administração Estadual.

 

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook

Rápidas

Danilo Boaventura

Danilo Boaventura

É a seção que publica informações exclusivas, de bastidores sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Dinheiro Nosso

Rodolfo Torres

Rodolfo Torres

É a seção que publica informações exclusivas, de economia sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás