Portal 6

Genarc de Anápolis prende traficante ostentação

Marcelo (à esquerda) e Marciel (à direita), presos após Operação 'Erga Ommes'. (Foto: Divulgação/PC)

Esquema de tráfico de drogas, que seria administrado por Marciel, está sendo investigado pela 3º Delegacia Regional de Anápolis (3ªDRP) há sete meses

O Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) prendeu nesta quinta-feira (09) dois irmãos suspeitos de coordenar uma organização criminosa investigada por tráfico de drogas em Anápolis.

Marciel Ribeiro de Oliveira, de 31 anos, e Marcelo Ribeiro de Oliveira, de 41 anos, foram capturados em um condomínio de luxo em Goiânia. Ambos estavam foragidos desde a semana passada, quando a Polícia Civil de Anápolis deflagrou a Operação “Erga omnes”.

Com eles, foram apreendidos uma pistola calibre .380, dinheiro em espécie munições, joias, relógios e aparelhos eletrônicos.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Durante a operação, coordenada pela delegada Carla de Bem, foram cumpridos 10 mandados de prisão temporária, 11 mandados de busca e apreensão domiciliar e a apreensão de uma lancha modelo Triton 360, avaliada pelos em cerca de R$ 1 milhão.

O esquema de tráfico de drogas, que seria administrado por Marciel, está sendo investigado pela 3º Delegacia Regional de Anápolis (3ªDRP) há sete meses, conta a delegada responsável pelo caso.

“Ele tinha uma casa de luxo em Anápolis, e lá encontramos documentos dessa lancha, que está no nome de um laranja”, explica Carla.

(Foto: Divulgação)
Barco estava estacionado em um guincho. (Foto: Divulgação)

A embarcação e os dois presos foram apresentados na tarde desta quinta-feira (9), na Delegacia Regional de Anápolis.

Quer comentar?

Comentários