Lisieux Borges esclarece paralisação nas obras da Câmara Municipal

O presidente da Câmara Municipal de Anápolis, Lisieux Borges (PT), questionado na manhã desta segunda-feira (13) sobre a paralisação das obras do novo prédio da sede do Legislativo, afirmou que está em constante contato com o poder Executivo, responsável pela fiscalização e ordenamento das obras, a fim de encontrar soluções para a continuidade e finalização do edifício.

Segundo o presidente, a obra orçada em mais de 17 milhões de reais, em vários momentos teve seu projeto questionado pela empreiteira responsável, devido à falta de sintonia entre projetos complementares, e por vezes, houve adequações para que não fosse interrompida a construção.

Lisieux também destacou que a licitação não consta da possibilidade de aditivos, mas permanece em contato com a empresa, para que essa decida se há possibilidade do andamento dos trabalhos, ou se será necessário, chamar a segunda colocada na licitação.

“Recentemente tivemos uma reunião com a empresa e seu corpo jurídico, junto com a secretaria de obras, e nessa reunião deliberamos sobre o assunto, e a prefeitura voltará a questionar a empresa para a conclusão do projeto. Se a empresa não o fizer, deverá ser acionada judicialmente” comentou.

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook