Portal 6

Vereadores votam nesta segunda (20) projeto que compromete abastecimento de água em Anápolis

(Foto: Reprodução)

Após aprovarem em dois turnos o polêmico Plano Diretor, os vereadores de Anápolis votam em sessão extraordinária nesta segunda-feira (20) a revisão do perímetro urbano do município.

O texto será apreciado a partir das 09h no Plenário da Câmara Municipal e a maioria esmagadora da base do prefeito João Gomes (PT) deve permitir a expansão da área construível da cidade em mais de 30%. Isso resultará nos próximos dez anos no aparecimento de dezenas de bairros afastados da região central e num aumento substancial dos problemas já sentidos na cidade, como a falta d’água.

Arquitetos e urbanistas ouvidos pelo Portal 6 lembram que a opção de crescer a cidade para os lados é um erro. O crescimento ideal, e sustentável, sempre é o vertical, que facilita a manutenção e o acesso da população à infraestrutura e equipamentos urbanos já existentes.

Faltará água

A Saneago, em parecer técnico divulgado na última terça-feira (15), alertou à Câmara Municipal que será impossível garantir o abastecimento de água caso o perímetro urbano seja alongado na proporção pretendida pelos vereadores.

A empresa também será forçada a revisar para cima os investimentos em infraestrutura na cidade, anteriormente calculados com base no Plano Diretor de 2006. Todo o custo dessa atualização precisaria ser repassado à população por meio de aumento da tarifa de água.

Outra preocupação da empresa é que mananciais como a bacia do Rio Caldas sejam contaminados, inviabilizando até o abastecimento da região metropolitana de Goiânia.

Anápolis, que nasceu na beira de um córrego, e cresceu desordenadamente, parece estar condenada a não se desenvolver adequadamente.

>>VEJA TAMBÉM

Vereador Jackson Charles aparece defendendo especulação imobiliária em grupo de corretores no WhatsApp

Quer comentar?

Comentários