Diretora e coordenador de escola municipal de Anápolis são afastados por assédio

Servidora recorreu à SME para denunciar os abusos que sofria na escola

A Secretaria Municipal de Educação (SME) de Anápolis afastou nesta semana a diretora e o coordenador geral da Escola Municipal Realino José de Oliveira, do bairro Jandaia, região Sudeste da cidade.

O motivo do afastamento consta no Decreto nº 39.746, de 06 de junho, assinado pelo prefeito João Gomes (PT) e publicado no Diário Oficial do Município na terça-feira (21).

Conforme o texto, Letízia Leite de Moraes Diniz foi afastada do cargo por assédio moral. A vítima é Ivana Maria Fernandes Machadoauxiliar administrativo da escola, que recorreu à SME para denunciar os abusos que sofria.

Procurada pela reportagem do Portal 6, a secretária Municipal de Educação, Virgínia Maria Melo, que prefere não se manifestar em detalhes sobre o processo administrativo em tramitação desde março deste ano, se resumiu a dizer que “o afastamento da equipe gestora foi feito para evitar possíveis situações conflituosas na escola”.

Segundo Virgínia, o Conselho Escolar da unidade foi o primeiro a tomar conhecimento da decisão pelo afastamento dos dois servidores. Antes da medida drástica ” tentada uma mediação entre a equipe gestora e a servidora Ivana, mas ambos se mantiveram irredutíveis”, emendou.

A reportagem do Portal 6 não conseguiu apurar o nome do coordenador afastado. A gestora afastada e a servidora assediada até o momento não retornaram contato.

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook