Homem manda matar amigo para ficar com cargo no trabalho

Um assassinato chocou a cidade de Rio Largo, na região metropolitana de Maceió (AL). Abinael Ramos Saldanha, de 25 anos, foi assassinado pelo próprio colega de trabalho, que queria ocupar seu cargo na empresa em que trabalhavam.

De acordo com a polícia, Ericksen Dowel da Silva Mendonça, 30 anos, encomendou a morte do colega por R$ 6 mil. Abinael estava desaparecido desde o último dia 15. Na última quarta-feira (22), o corpo dele foi encontrado em um canavial, já em estado de decomposição.

Segundo o delegado responsável, Ronilson Medeiros, Ericksen Dowel da Silva Mendonça (foto), de 30 anos, foi o mandante do crime. Outras três pessoas também foram presas.

A investigação apontou que os dois trabalhavam juntos em um escritório em Maceió. Ericksen estava sendo treinado por Abinael para o cargo de supervisor. Um dia, Dowel recebeu um email por engano, informando o salário do colega. Desde então, passou a desejar o cargo de Abinael.

Foi então que Ericksen contratou o matador de aluguel Jalves Ferreira da Silva. Além de matar Abinael, o homem ficou com o celular dele e o vendeu. A polícia oficialmente ainda trata o caso como desaparecimento, mas as investigações tem indícios suficientes para dizer que o caso se trata de assassinato.

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook