Marido de Bianca Toledo chora em vídeo e se defende de acusação de estupro

O marido da pastora Bianca Toleto, pastor Felipe Heiderich, que foi preso suspeito de ter abusado do próprio enteado, publicou um vídeo nesta quarta-feira (13) se defendendo das acusações.

Entre as declarações do pastor estão: “Eu precisava me recuperar um pouco. Eu sempre achei que todo mundo era inocente até que se provasse o contrário, mas o que eu vivi prova que todos são culpados até que se prove o contrário. Assim como vocês, eu fiquei em choque.”

“No dia 14, ela saiu de casa, e ali começaram os piores dias da minha vida. Eu fui fraco e não soube lidar com essa situação. Primeiro, pelo choque de lidar com a informação de que a criança que você ama estava sendo abusada por alguém. E, segundo, que essa pessoa seria você”.

Felipe ainda afirmou que deseja pedir perdão a todos que se enfraqueceram na fé com essa situação: “Eu quero pedir perdão à Igreja de Deus porque, talvez, muitos na fé que me acompanham e acompanham nosso ministério tenham sido enfraquecidos. Mas, entenda, me desculpa. Essa nunca foi a minha intenção, mas eu não soube lidar. Eu só queria sumir”.

No final do vídeo, o pastor afirma que sua inocência está “praticamente estabelecida”. “Dei minha versão à polícia, peguei meu computador, meu telefone, disse para que eles investigarem minha vida. Em seguida, fui acusado, julgado, sentenciado. Vou provar a minha inocência”, afirma ele.

 

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook

Rápidas

Danilo Boaventura

Danilo Boaventura

É a seção que publica informações exclusivas, de bastidores sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Dinheiro Nosso

Rodolfo Torres

Rodolfo Torres

É a seção que publica informações exclusivas, de economia sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás