Blitzen já arrecadaram quase R$ 32 milhões de IPVA atrasado em Goiás

As blitzen realizadas pela Secretaria da Fazenda e Batalhão Fazendário da Polícia Militar em julho para receber IPVA, taxas de licenciamento do Detran e seguro DPVAT abordaram 3.263 motoristas de veículos e motocicletas e arrecadaram R$ 5 milhões.

No acumulado de 2016, as operações abordaram 19.863 veículos e arrecadaram R$ 31,6 milhões.

O balanço foi divulgado pela Coordenação de Trânsito e Fronteira da Gerência de Arrecadação e Fiscalização. A fiscalização continua em agosto e a partir de agora e até o final do ano, incluirá os inadimplentes do IPVA deste ano, pois o calendário de pagamentos terminou no mês passado.

As operações em julho foram feitas em Goiânia, Anápolis, Itumbiara, Luziânia, Valparaíso de Goiás e Formosa.

O maior número de ocorrências foi na capital, em bairros variados e avenidas amplas para não prejudicar o trânsito, com duas equipes. Elas usam equipamento de leitura das placas e apenas os inadimplentes são parados pelas blitzen. A grande maioria paga os atrasados na hora da autuação para evitar o recolhimento do veículo pelo Detran.

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook

Rápidas

Danilo Boaventura

Danilo Boaventura

É a seção que publica informações exclusivas, de bastidores sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Dinheiro Nosso

Rodolfo Torres

Rodolfo Torres

É a seção que publica informações exclusivas, de economia sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Deniza Zucchetti

Deniza Zucchetti

É professora por vocação, quase RI, escritora por amor nas horas vagas e mãe em período integral

Bruno Rodrigues Ferreira

Bruno Rodrigues Ferreira

É jornalista, psicólogo e especialista em Tecnologia e Educação e Gestão em Saúde