Teuto/Pfizer está contratando novos colaboradores em Anápolis

Na contramão de outras indústrias no Brasil, o maior complexo farmacêutico da América Latina, sede do Laboratório Teuto/Pfizer, em Anápolis, oferece vagas de emprego para diferentes níveis e especialidades.

São 40 vagas para auxiliar de produção, 02 para almoxarifado, 02 para lavanderia e 01 para analista fiscal.

Portadores de necessidades especiais também recebem oportunidade de trabalho conforme habilidades que apresentem, recebendo ainda todo o acompanhamento necessário no ambulatório da empresa, reforçando a responsabilidade social da companhia.

Interessados podem enviar currículo para o e-mail selecao@teuto.com.br

Vantagens

Os recém-contratados têm à disposição ações exclusivas para a equipe, que garantem mais saúde, bem-estar e qualidade de vida. Por meio da Associação Teuto Anápolis (ATA), a companhia oferece área de lazer com piscina, academia, caixa eletrônico, farmácia, biblioteca, locadora e refeitório.

Entre os programas, estão o ‘Qualidade de Vida’, que incentiva a responsabilidade socioambiental e hábitos de vida mais saudáveis por meio de eventos tradicionais, como ‘Encontro de Gerações’, ‘Jogos Abertos’, ’Dia do Lazer’, ‘Corujão Teuto’, ‘Sabor e Saúde’ e ‘Passeio Ciclístico’.

Capacitação Profissional

O Laboratório Teuto/Pfizer também possui um extenso calendário de treinamentos oferecidos para os colaboradores. Atualmente, mais uma turma, com 60 funcionários da indústria, está sendo formada para mais uma etapa do programa ‘Operador Autônomo’. A ação gera oportunidades para o funcionário, garantindo mais autonomia e conhecimento para a equipe.

Realizada em parceria com o Senai, a ação tem como objetivo oferecer mais autonomia a equipe.

“O ‘Operador Autônomo’ é um operador com qualificação diferenciada. Ele recebe treinamentos teóricos e práticos em relação a sua função, sendo qualificado para obtenção de alta performance”, explica Cláudio Antônio, gerente industrial do Teuto.

Ação oferece qualificação e mais autonomia à equipe (Foto: Divulgação/Teuto)
Ação oferece qualificação e mais autonomia à equipe (Foto: Divulgação/Teuto)

Além da parte técnica, o objetivo da ação é promover a progressão de carreira, com melhoria de remuneração dentro da empresa, com mais autonomia no desempenho das funções. No curso, os colaboradores também são ensinados a multiplicar o conhecimento no dia a dia do laboratório.

“O projeto é ótimo! Como operador, cada curso que eu recebo, só me engradece!”, afirma Valdeir Bueno Silva, operador de máquinas no setor de penicilânicos, funcionário do Teuto há mais de 15 anos e participante da iniciativa.

“O ‘Operador Autônomo’ oferece mais valorização profissional para o colaborador, que busca trabalhar corretamente e que tem sede de conhecimento e vontade de crescer”, afirma Elizabeth Junqueira, gerente de RH do Teuto.

Ações de RH

Com foco nas pessoas, o Laboratório Teuto/Pfizer que, atualmente, conta com mais de 3 mil colaboradores diretos, investe na extraordinária força de trabalho de sua equipe. A companhia busca, intensamente, o avanço da qualidade de vida dos colaboradores e proporciona crescimento e desenvolvimento profissional.

Com informações Race Comunicação

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook

Rápidas

Danilo Boaventura

Danilo Boaventura

É a seção que publica informações exclusivas, de bastidores sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Dinheiro Nosso

Rodolfo Torres

Rodolfo Torres

É a seção que publica informações exclusivas, de economia sobre o que for relevante em Anápolis e Goiás

Deniza Zucchetti

Deniza Zucchetti

É professora por vocação, quase RI, escritora por amor nas horas vagas e mãe em período integral

Bruno Rodrigues Ferreira

Bruno Rodrigues Ferreira

É jornalista, psicólogo e especialista em Tecnologia e Educação e Gestão em Saúde