PT lança cartilha em quatro idiomas contra “caçada judicial” a Lula

(Foto: Reprodução)

Para amplificar os argumentos apresentados pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva diante das acusações de corrupção ao petista, o Diretório Nacional do PT elaborou uma cartilha intitulada A Caçada Judicial ao ex-presidente Lula. Em quatro idiomas – português, inglês, espanhol e francês – a publicação será distribuída a grandes veículos de comunicação nacionais e mundiais, aos diretórios municipais e estaduais do partido, e a parlamentares e lideranças do PT de todo o Brasil.

O documento foi baseado na petição que os advogados do ex-presidente protocolaram no fim de julho na Organização das Nações Unidas (ONU) denunciando o tratamento que vem sendo dado a Lula por setores da Justiça e da mídia, aos quais a defesa acusa de perseguição. Segundo a assessoria de imprensa do PT, a cartilha já começou a ser distribuída.

“Enquanto tentam encontrar um crime – qualquer um – para condenar Lula nos tribunais, adversários do maior líder político do Brasil promovem um julgamento pela mídia, na mais violenta campanha de difamação contra um homem público em toda a história do país”, denuncia trecho da cartilha.

No documento, o PT diz que em mais de 40 anos de atividade pública, a vida de ex-presidente foi vasculhada em todos os aspectos, “mais do que a de qualquer outro político brasileiro”, e que apenas a ditadura militar condenou e prendeu Lula, em 1980, com base na Lei de Segurança Nacional, por “subversão”, durante a luta pela redemocratização do país.

“Apesar das falsas acusações que sempre sofreu, nunca se demonstrou nada de errado na vida de Lula, porque ele sempre agiu dentro da lei, antes, durante e depois de ser presidente do Brasil”, diz outra parte do documento.

 

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook