Dicionário olímpico: você conhece os termos usados nos esportes?

No basquete, o jogador vai em direção à cesta e entra no “garrafão”. Antes de ajustar as velas do barco, o competidor analisa a “biruta”. Se você não entende a terminologia específica dos esportes vai acabar interpretando essas frases de maneira errada.

Dá uma olhada no dicionário olímpico que a Turminha do MPF fez pra facilitar a compreensão das narrações dos jogos:

Ace (vôlei de praia): ponto em que, após o saque, a bola toca a areia da quadra adversária sem que nenhuma dos dois atletas da dupla toque na bola

Birdie (badminton): peteca

Biruta (vela): aparelho para analisar a direção do vento

Cravada (vôlei): quando a cortada é tão forte que a bola vai direto ao chão, sem chance de defesa

Dedeira (Tiro com arco): proteção usada nos dedos que puxam a corda do arco

Dobok (Taekwondo): roupa usada pelos atletas

Finta (handebol): ultrapassagem de um adversário quicando a bola no chão

Garrafão (basquete): área pintada próxima à cesta

Green (golfe): nome da área em que ficam os buracos

Matê (judô):comando do árbitro para pausa temporária da luta

Medley (natação): reúne os quatro estilos (livre, costas, peito e borboleta ) em uma única competição

Nocaute (boxe): golpe que define o combate e dá a vitória a quem o aplicou

Pelotão (ciclismo): durante as provas, os ciclistas se aglomeram em grupos chamados pelotões

Refugo (hipismo): desistência do cavalo na hora de saltar

Sprint (atletismo): aceleração imposta pelos corredores nos últimos metros da corrida

Tsukahara (ginástica artística): tipo de acrobacia em que é realizado um salto mortal duplo com giro (parafuso)

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook