Resumo Escrava Mãe – Quarta 26/10/2016

7168bcf2b46f4a2db284d6acf800a61d__ER7_RE_CH_ESCRAVA_MAE_570kbps_2016_05_13_thumb_thumb

Pacheco diz para Rosalinda que Loreto irá embora da Vila no dia seguinte. Esméria conversa com Tozé e se diz ansiosa pelo primeiro baile da sociedade. Ele diz para Esméria esperar por uma vingança de Almeida depois que Catarina o fez se ajoelhar. Maria Isabel entra na sala em que está Almeida. Ele está muito nervoso e a manda sair de lá. Maria Isabel se insinua a Almeida soltando uma das fitas que prende seu vestido. Miguel conta para Juliana que Beatrice escreveu uma carta de liberdade para ela. Zé Leão coloca ervas no machucado de Miguel.

Beatrice diz a Tia Joaquina que vai pedir para um médico cuidar do olho dela. Beatrice lamenta e pede desculpas pelas atitudes de Maria Isabel e chora. Quintiliano conta para todos os filhos já reunidos a mãe deles o traia com escravos. Ele conta que Joana contraiu a peste que era uma doença vinda da Europa e que as pessoas doentes eram expulsas da Vila. Por isto não deixou a notícia da doença se espalhar. Joana achou que tinha virado prisioneira de Quintiliano por mais que ele tentasse explicar a realidade. As correntes foram usadas para que Joana não se machucasse mais tentando fugir. Foi assim que surgiu a história que Quintiliano fez Joana de escrava depois que descobriu a traição. A família se emociona. Maria Isabel se veste e Almeida diz ironicamente que esperava mais dela e que Esméria e Petúnia foram melhores. E diz que até Juliana seria melhor. Maria Isabel ameaça dar um tapa na cara de Almeida. Ele a ameaça.

Quer comentar?

Comentários

Nosso Facebook

loading...