Portal 6

Resumo Escrava Isaura – Sexta 07/07/2017

07 de julho – Álvaro tenta fazer Isaura lembrar-se de alguma coisa referente à morte de Leôncio. O Sargento diz que Tomásia é uma forte suspeita. Malvina lamenta a morte de Leôncio. Para mudar de assunto, Henrique conta a Malvina que Aurora aceitou o seu pedido de casamento. Miguel fica indignado com a acusação do Sargento. Álvaro desfaz a idéia de que André seja o assassino, pois ele esteve ao seu lado todo o tempo. Cel. Sebastião vai depor na Delegacia. Gioconda olha as mãos de Perpétua e Gabriel entrelaçadas. Fica surpresa e sai da sala. Moleca decide criar Basílio como seu filho. Bernardo concorda e promete-lhe encontrar a sua mãe que um dia foi levada do quilombo. Tomásia pressiona Belchior para que ele conte tudo sobre o que viu no dia da morte de Leôncio. André sai para falar com o Sargento. Cel. Sebastião diz ao Sargento que ouviu gritos e logo depois viu Belchior sair a correr em direção à mata. O Sargento acredita que o Coronel esconde ainda algo sobre os acontecimentos. Tomásia e Miguel desconfiam de Belchior. Rosa e André também. Após o seu depoimento, o Cel. Sebastião tenta acalmar Helena para o julgamento. Malvina é interrogada e diz que tem um álibe: Geraldo. Conta que o rapaz esteve ao seu lado todo o tempo. Malvina depõe e logo depois sai para ver Helena. Henrique começa a depor. O Sargento diz-lhe que também é um suspeito, visto que também desejava a morte do senhor Leôncio. Malvina acusa Isaura alegando que quando uma mulher perde a cabeça é capaz de fazer qualquer coisa. E alerta-a que se uma delas tiver de ser condenada que seja Isaura e não ela.

Quer comentar?

Comentários