Portal 6

Resumo Escrava Isaura – Terça 11/07/2017

11 de julho – Asher flagra Nebuzaradã e Sammu-Ramat aos beijos. Amitis elogia a grandiosidade da estátua do rei. Kassaia também flagra Nebuzaradã e Sammu se beijando. Ela sai desorientada. Asher a segue. Fassur vence a votação, mas Zac chega e pede a anulação dos votos. Ele avisa que o sacerdote comprou votos. Em conversa com Aspenaz, Daniel fala sobre seu amor por Lia. Dissimulados, Sammu e Nebuzaradã retornam ao local da inauguração da estátua. Gadise estranha o sumiço de Kassaia. Beroso anuncia a inauguração da estátua e avisa que todos presentes deverão se curvar ao monumento… Mesaque, Sadraque e Abednego se preocupam com o aviso dado por Beroso. Arrasada, Kassaia caminha chorando. A princesa acaba escorregando em um barranco e cai desacordada. Asher chega e avista Kassaia. Zac tenta provar a fraude de Fassur. Gadise se preocupa com o sumiço de Kassaia. Daniel descobre que Ezequiel morreu. Ebede e Joaquim seguem a ordem do rei. Os sábios hebreus se recusam a curvarem-se diante da estátua de Marduk. Temerosa, Raquel acaba se curvando. Nitócris critica a atitude dos hebreus. Sammu e Beroso comemoram. Cínico, Fassur tenta provar sua inocência. Ilana fica ansiosa na espera do resultado da votação. A vitória de Fassur é anulada e Ravina se torna o novo administrador da sinagoga. Joana agradece a intervenção de Zac. Irritado, Nabucodonosor avisa aos três sábios hebreus que lhes lançarão na fornalha caso não se curvem diante da estátua.

Quer comentar?

Comentários