Portal 6

Em Brasília, Marconi e Roberto tentam viabilizar polo tecnológico de defesa para Anápolis

(Foto: Humberto Silva)

Juntamente com deputados, governador e prefeito explanaram as vantagens que a cidade tem para abrigar empresas deste porte

Os esforços para transformar Anápolis em um polo tecnológico e de defesa ganharam mais um capítulo no final da tarde desta terça-feira (10). Uma comitiva, liderada pelo governador Marconi Perillo (PSDB), foi até Brasília para uma reunião com o ministro da Defesa Raul Jungmann.

Deputados federais, estaduais e o prefeito Roberto Naves (PTB) também participaram do encontro. Através de vídeos e explanações, os parlamentares apresentaram ao ministro quais seriam as vantagens de investir na cidade.

“Mostramos o que Anápolis representa do ponto de vista de logística, de infraestrutura e de possibilidades para o Brasil”, disse Marconi.

O ponto alto da reunião aconteceu quando foi levantado o assunto sobre a Ala 2, antiga Base Aérea de Anápolis, que está se preparando para receber 36 caças Gripen NG, adquiridos pela Força Aérea Brasileira da Suécia.

O governador aproveitou para dizer que a implantação da tecnologia para a manutenção desses caças podem gerar movimento de interesse nas empresas fornecedoras de peças, serviços e mão de obra para a indústria aeronáutica.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.