Resumo Os Dez Mandamentos – Segunda 02/10/2017

Da Redação -

02 de outubro – Joquebede deixa Miriã nervosa ao revelar que ocorreu uma tragédia. Anrão descobre que Moisés matou Panahasi e teme a fúria de Apuki ao dar falta dele. Apuki conta para Joel que Anrão é protegido de Moisés e o deixa desconfiado. Moisés procura Leila e é informado que Henutmire esteve na vila dos hebreus. O príncipe fica revoltado ao saber da proposta de fuga para afastá-lo da família hebreia. Paser fica pasmo ouvir Yunet revelando que Moisés matou um egípcio. Nefertari avisa que se Moisés insistir na aproximação como o povo hebreu a relação entre eles irá se complicar. Decidido, o príncipe a deixa pasma ao propor o término da relação. Paser se nega a participar do plano de Yunet para denunciar Moisés à Seti. Yunet ameaça Paser dizendo que o rei não irá perdoá-lo quando souber que ele sabia do assassinato e omitiu. Nefertari confessa para Moisés que acreditava ser a mulher da vida dele e tira o anel de noivado com raiva, saindo chorosa. Joquebede padece ao pensar que Moisés e Arão correm perigo e é amparada por Miriã. Disebek sente que Ramsés e Moisés escondem um segredo. Seti fica furioso ao imaginar que Moisés pode ser tornar líder dos hebreus e causar uma revolta no Egito, deixando Tuya pensativa. Karoma se sensibiliza ao ver Nefertari triste pelo fim do noivado com Moisés. Anrão pede que Joquebede confie em Deus, pois tudo dará certo. Paser mente para Seti que teve um sonho onde Moisés era traidor e provocava uma rebelião de hebreus contra o rei. Ramsés e Disebek ficam pasmos e defendem o príncipe.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.