Força-tarefa localiza e prende motorista que matou criança atropelada em Anápolis

Garotinho de 11 anos voltava para casa após vender doces para ajudar os pais

Denilson Boaventura -

Agentes da Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito de Anápolis prenderam no início da noite desta quarta-feira (21) Edson de Souza Correa, de 40 anos, que atropelou na última sexta-feira (16) Rafael Ribeiro da Silva, de apenas 11 anos.

O estudante, que estava voltando para casa pela Avenida Brasil Sul após vender doces para ajudar os pais, chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado ao Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HUANA), mas não resistiu.

Responsável pelo caso, o delegado Manoel Vanderic explicou ao Portal 6 que montou uma força-tarefa para dar início às investigações assim que recebeu as primeiras informações sobre o crime.

“Começamos a investigar já na sexta pra viabilizar a prisão. Estávamos avaliando as imagens colhidas quando recebemos uma denúncia anônima”, detalhou ilustrando que o veículo foi encontrado em conserto dentro de uma oficina mecânica na Praça Jamel Cecílio, no bairro JK Nova Capital.

(Foto: Divulgação)

Proprietária do Volkswagen SpaceFox, a esposa de Edson foi localizada juntamente com ele – que confessou ter atropelado o garotinho e alegou ter fugido do local por medo.

Além de homicídio culposo qualificado, o condutor também foi autuado por ter reparado o carro pra dificultar a perícia.

Segundo Manoel Vanderic, existem ainda suspeitas de que Edson estava embriagado no momento do crime.

A morte do pequeno Rafael Ribeiro da Silva foi a sétima registrada no trânsito de Anápolis somente nos últimos dez dias.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.