Portal 6

Presa dupla que assassinou jovem na frente da casa dos parentes em Anápolis

(Foto: Divulgação)

Caso foi finalizado e Polícia Civil descobriu a motivação para o crime

O Grupo de Investigações de Homicídios (GIH) de Anápolis com o apoio do GIH de Águas Lindas cumpriu nesta quarta-feira (17) mandados de prisão temporária contra Cristiano José de Lima, de 32 anos, e de Silas Rodrigues da Silva, de 34.

Ambos são apontados como coautores no homicídio qualificado praticado em desfavor de Bruno Henrique Gonçalves Lemes, de 19 anos, conhecido pela alcunha de “frangão”, ocorrido em maio de 2016 no Industrial Munir Calixto, bairro no extremo Sul da cidade.

Segundo a Polícia Civil, Cristiano e Silas teriam surpreendido Bruno em frente à casa de parentes e o atingido com nove disparos de arma de fogo. A vítima morreu no local antes mesmo da chegada do socorro.

As investigações apontam ainda que a dupla agia a mando do líder de uma facção criminosa e que a disputa pelo domínio do tráfico local seria a motivação do homicídio.

Silas, que já ostenta passagens policiais por roubo e tráfico de drogas, já se encontrava recolhido no presídio local.

Cristiano, que também tem antecedentes criminais por roubo e tráfico de drogas, foi capturado em Taguatinga (DF) e também será recolhido no presídio local, à disposição da Justiça.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.