Portal 6

Som alto termina em pancadaria generalizada entre família em Anápolis

Rua Urupe. (Foto: Google Street View)

Mãe idosa, cunhado valente e bêbado ‘folgado’ compõe o enredo deste caso, ocorrido em bairro do extremo Oeste

Terminou na delegacia a confusão do último domingo (04) no cortiço que abriga uma família inteira na Rua Urupe do Jardim Suíço, bairro do extremo Oeste de Anápolis.

Tudo começou quando uma mulher foi até a residência do irmão, no mesmo lote, para reclamar do alto barulho de som. Suspeita-se que ele também estava bebendo.

Os dois discutiram e, sem chegar em um acordo, a mulher deixou o local com destino à residência dos primos para relatar a situação.

Passado alguns minutos, a matriarca da família, de 71 anos, chegou ao cortiço e o filho foi até ela se explicar. O tom de fala não agradou o marido da irmã dele — que o derrubou no chão.

Nesse momento, o homem deu um chute no cunhado e pegou uma barra de ferro. Vendo o pai apanhar, um jovem até tentou separará-los, mas não conseguiu.

E a pancadaria só teve fim quando o cunhado deu um madeirada que acertou e cortou superficialmente o braço homem.

A idosa, vendo essa desordem na família, desmaiou e precisou ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Levados pela Polícia Militar (PM) até Central de Flagrantes da Polícia Civil (PC), os envolvidos optaram por não representar criminalmente entre si.

Quer comentar?

Comentários




Nosso Twitter



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.