Portal 6

Anápolis poderá ter um hospital cívico-militar em parceria com o Governo Federal

(Foto: Reprodução)

Ministério da Saúde respondeu pedido de vereador e informou o que é preciso para que o projeto se torne realidade

O vereador Paulo de Lima (PDT) usou a tribuna da Câmara Municipal nesta segunda-feira (11) para comunicar a resposta do Ministério da Saúde a um pedido feito por ele à pasta, solicitando a construção de um hospital cívico-militar em Anápolis.

Segundo ele, o coordenador geral de Atenção Hospitalar e Domiciliar do Ministério da Saúde Rafael Leandro de Mendonça disse que é preciso provocar os deputados federais para que direcionem emendas visando essa obra.

“Nesse meio tempo, antes de receber a resposta, falei com a deputada Flávia Morais (PDT) e com o deputado João Campos (PRB). Eles e os demais parlamentares goianos vão nos dar esse apoio para que a gente possa ter esse hospital, atendendo não só nossa cidade, mas toda a região”, explicou.

Paulo de Lima ressaltou que estava feliz com o recebimento da resposta do Ministério da Saúde, pois entendia como uma demonstração de respeito à Câmara Municipal de Anápolis.

Hospital cívico-militar

A indicação do vereador havia sido enviada ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) no último 30 de setembro. A ideia  é que seja aproveitada a vocação de Anápolis com a Ala 2 (antiga Base Aérea) da Força Aérea Brasileira (FAB).

Para tanto, o município cederia a área e o Estado entraria com a estrutura e corpo técnico de saúde. Além de médicos e enfermeiros, o cívico-militar também com a presença de militares.

Vereador quer que Bolsonaro construa hospital cívico-militar em Anápolis

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.