Portal 6

Com mais de 100 mil moradores, Vila Jaiara passa por transformação

Arcos do Campo foi entregue pela MRV. (Foto: Raquel Pinho/CSF)

Seguindo a tendência de migração das populações de grandes e médias cidades, bairro está em processo de verticalização

A Vila Jaiara tem mais de 100 mil moradores, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O número ultrapassa 25% dos habitantes de Anápolis, estimado em mais de 385 mil habitantes pelo IBGE, e até então, a maioria dos residentes na área viviam em habitações horizontais. Porém, no dia 18 de fevereiro, o bairro recebeu mais um edifício, o Arcos do Campo.

Localizado na região Norte de Anápolis, o bairro completará 72 anos neste ano e conta até um dia em sua homenagem, o Dia Municipal da Vila Jaiara, celebrado em 21 de agosto. Mais populoso da cidade, surgiu pela instalação de uma extinta indústria têxtil que acabou atraindo um grande contingente de trabalhadores para o local. Hoje conta shopping, faculdade e um forte comércio.

Rafael Cássio de Aquino, gestor comercial da MRV, analisa que com o residencial vertical Arcos do Campo a dinâmica de construções na Vila Jaiara pode mudar.

Segundo ele, obra atende a uma tendência de migração das populações de grandes e médias cidades para apartamentos em razão de sua praticidade e segurança, além de ser uma aquisição viável por meio do financiamento do Minha Casa Minha Vida, que possibilitam diversos benefícios para quem quer comprar o primeiro imóvel, como taxas de juros mais baixas, maiores prazos para pagamento e entrada facilitada.

“Muitas vezes as pessoas optam por comprar lotes e ir construindo suas casas aos poucos, muitas vezes sem um planejamento adequado. Agora, há uma tendência de procurar empreendimentos de apartamentos em razão das melhores condições de financiamento e isso reflete positivamente na ocupação do bairro, que passa a ser mais ordenada”, destaca o gestor.

Ele ainda acredita que a construção do edifício no bairro, que abrigará cerca de 200 famílias, também pode dar início a um processo de verticalização na região. O próximo prédio na região deve ser o Arcos do Cerrado, que está sendo construído ao lado do Arcos do Campo.

Perspectiva

Lucas, que cresceu na Vila Jaiara, realizou o sonho da casa própria. (Foto: Raquel Pinho)

A busca por segurança foi um dos motivos recorrentes citados pelos moradores para a compra dos apartamentos. O motorista Lucas Pereira, de 31 anos, foi um dos compradores de um imóvel no Arcos do Campo. Ele cresceu no bairro e resolveu investir na realização do sonho da casa própria.

“Eu moro aqui desde criança e sempre gostei do bairro. Decidi comprar o apartamento porque morar em um condomínio sempre traz mais segurança”, afirma o morador do prédio construído na Vila Jaiara pela MRV.

Também apostando na segurança do empreendimento, o motorista Washington Luiz, de 45 anos, se mudará para o apartamento com a esposa e os dois filhos.

“Já moramos em casa e pensei que não me adaptaria. Porém, antes de fazer a compra nós nos mudamos para um apartamento e achei muito mais prático e seguro”, diz. Ele conta que gostou de primeira do imóvel, nem fez outras pesquisas. “É uma empresa que tem nome e entrega no prazo”, ressalta o motorista.

Washington Luiz se mudará para o apartamento com a esposa Selma e os dois filhos. (Foto: Raquel Pinho/CSF).

Investimento

 

Já o manipulador Francinaldo Soares, de 29 anos, e a corretora de imóveis Daniele Lima, de 21, recém-casados, compraram o imóvel há dois anos já pensando no casamento.

“Queremos ter o nosso cantinho, a nossa privacidade. Vamos aproveitar o dinheiro que era usado no aluguel para investir nas parcelas do apartamento. Pesquisamos sobre a obra, o empreendimento e a reputação da empresa e resolvemos comprar na Vila Jaiara, que é perto de tudo”.

De acordo com o gestor comercial da MRV, a entrega do Arcos do Campo superou as expectativas quanto ao prazo de entrega.

“A promessa era de entregar o residencial em até 24 meses e conseguimos diminuir esse prazo para 22. Isso é muito importante porque beneficia os moradores, que não precisarão pagar aluguel por dois meses, e contribui para conquistarmos a confiança dos anapolinos”, destaca Rafael Aquino.

Francinaldo e Daniele compraram o imóvel há dois anos já pensando no casamento. (Foto: Raquel Pinho/CSF)

Economia

Rafael Cássio de Aquino afirma que, apesar de o empreendimento já ter sido completamente comercializado, a construtora ainda oferece outras opções na cidade com oportunidades para aqueles que buscam comprar um imóvel.

“Pessoas com renda entre R$ 2.300 a R$ 7 mil ainda podem ganhar subsídios e aproveitar os juros a partir de 4,5%, um dos mais baixos da história. Além deste empreendimento entregue, a MRV ainda tem outros dois já lançados na cidade”, destaca.

O Arcos do Campo, construído em um terreno de 12 mil m², conta com elevador que atende o térreo e mais quatro pavimentos, pomar, salão de festas, playground, bicicletário e bicicletas compartilhadas, espaço gourmet, wi-fi nas áreas de lazer, piscinas adulto e infantil e espaço kids.

Além disso, o espaço conta com energia solar que atende as áreas comuns e geram até 80% de economia na conta de energia elétrica do condomínio residencial.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.