Portal 6

Corona não é desculpa para deixar de pagar conta, diz Roberto sobre IPTU

“Aqueles que têm condições de pagar, pague o mais rápido possível. Aqueles que realmente não tem condições de pagar, vai pagar quando conseguir”, argumentou

O pagamento dos impostos municipais, com o IPTU, foi outro assunto questionado por veículos de comunicação durante a coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (27), na cerimônia de inauguração do ‘Centro de Internação do Coronavírus’.

Segundo o prefeito Roberto Naves (PP), uma possível prorrogação não tem sido aventada pelo governo municipal.

O gestor  reconheceu que o momento é delicado, mas alegou que as fontes de receita locais são poucas – em torno de 10%, se comparado aos 20% abocanhados pelo estado e 70% que ficam com a União.

“Não definimos nada no que diz respeito a isso de prorrogação de IPTU. Até mesmo porque não venceu ainda. Anápolis é um das cidades que o IPTU é mais tardio, vence em abril”, justificou.

Roberto também confirmou que os boletos já foram entregues pelos Correios e que os recursos arrecadados serão usados, inclusive, para bancar as despesas geradas pela pandemia na cidade.

“Temos que lembrar que mais da metade dessa estrutura que está sendo montada vai ser paga exclusivamente com o dinheiro do IPTU, com o dinheiro do anapolino. É com seu dinheiro que vamos pagar essa conta, a conta do corona, dessa luta que estamos travando em prol da vida”, disse.

“Aqueles que têm condições de pagar, pague o mais rápido possível. Aqueles que realmente não tem condições de pagar, vai pagar quando conseguir. Aí lá na frente a gente vai discutir com os vereadores se nós vamos fazer um refiz ou o que vamos fazer. O que não podemos fazer é usar o corona como desculpa para poder parar de pagar conta. Se tem o dinheiro e tem a conta, é obrigação nossa”, argumentou.

Quer comentar?

Comentários