PublicidadePublicidade

Anápolis tem mais de 90% dos leitos de UTI da rede pública ocupados

Documento da Semusa também mostra a situação da rede particular

Caio Henrique Caio Henrique -

De acordo com o terceiro boletim informativo do Complexo Regulador de Anápolis, divulgado nesta quarta-feira (06), o município tem uma ocupação geral de 92,8% da capacidade total dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública.

O documento, que será atualizado semanalmente, realizou o levantamento baseado em informações coletadas no período de 20 de abril a 06 de maio.

Na rede hospitalar da cidade, as unidades públicas são o Hospital Municipal Jamel Cecílio, o Centro de Internação Norma Pizzari Gonçalves, a Santa Casa de Misericórdia (filantrópica) e o Hospital de Urgências Dr.Henrique Santillo (estadual sob gestão compartilhada).

PublicidadePublicidade

Ao todo, estes locais somam 74 leitos de UTI, dos quais 68 se encontram ocupados.

Já na rede privada (Hospital Evangélico Goiano e Ânima Centro Hospitalar), a taxa de ocupação geral destes leitos foi de 44,9% da sua capacidade total, com 27 dos 61 disponíveis sendo ocupados.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade