PublicidadePublicidade

Afinal, por que não chove em Anápolis mesmo com tantas nuvens no céu?

Portal 6 entrevistou especialista para explicar o fenômeno e entender melhor a situação meteorológica da cidade

Caio Henrique Caio Henrique -

O tempo quente e seco das últimas semanas em Anápolis tem dado o que falar.

Na sexta-feira (18), uma previsão de provável chuva ainda em setembro foi o suficiente para animar e subir as expectativas de muitos anapolinos.

A expectativa era de que ela aparecesse entre terça (22) e quarta-feira (23).

PublicidadePublicidade

Entretanto, diversas nuvens começaram a se formar sob o município ainda neste fim de semana. Isso fez com que a ansiedade da população aumentasse cada vez mais.

Para esclarecer esse questionamento da falta de precipitação mesmo com a aparição de nuvens nos céus, o Portal 6 entrevistou um especialista da área.

Mestre em Ciências Ambientais e doutorando em geoprocessamento com ênfase em climatologia, o também professor da UniEVANGÉLICA, Eduardo Argolo, explicou o fenômeno.

De acordo com ele, existe um bloqueio atmosférico na região de Anápolis que impede a chegada da chuva.

“As massas com umidade estão vindo, mas enfrentam uma presença forte de ar seco que impede a formação de chuvas”, argumentou.

Contudo, Eduardo se manteve otimista em relação à aparição das tão aguardadas gotas d’água.

“Acredito que segunda à noite pode chover um pouco. E terça com uma probabilidade ainda maior.”

“Talvez, até hoje de madrugada, caia alguns respingos”, acrescentou.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade