PublicidadePublicidade

O motivo que idoso apresentou para não socorrer mulheres atropeladas no Centro de Anápolis

Após intenso patrulhamento feito pela Polícia Militar, ele foi localizado nas mediações da Praça das Mães

Da Redação Da Redação -
PublicidadePublicidade

A manhã desta segunda-feira (22) foi de horror no cruzamento das ruas Dr. Genserico com Xavier Almeida, no Centro de Anápolis.

É que um idoso de 72 anos, que dirigia um Fiat Uno, furou o sinal e passou com o veículo sobre duas mulheres de 47 e 16 anos, respectivamente.

Ambas estavam em uma moto e sofreram diversos traumas corporais no acidente.

PublicidadePublicidade

Surpreendentemente, o motorista não parou para prestar socorro e a omissão gerou revolta em populares que presenciaram tudo.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados de imediato e ambas foram levadas pelos socorristas ao Hospital Evangélico Goiano (HEG).

Já o homem, após um intenso patrulhamento na região Central, foi localizado nas mediações da Praça das Mães.

Questionado do porquê de não ter parado e auxiliado as vítimas, o septuagenário disse que não o fez porque estava tendo uma crise hiperglicêmica e precisava se deslocar até à farmácia de alto custo do município para fazer a retirada de insulina.

Ele apresentou o comprovante e as ampolas como prova do testemunho. Os policiais militares reteram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do idoso, que foi encaminhado à Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Liberado após prestar depoimento, o motorista responderá em liberdade pelo crime de lesão corporal culposa.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade