PublicidadePublicidade

Caiado diz que reabrirá comércio na próxima semana, mas manda recado sobre aglomerações

’Não vai voltar festas e eventos. Esse é um processo extensivo a todo estado de Goiás, que as prefeituras aderiram’, lembrou o governador

Avatar Rafaella Soares -
PublicidadePublicidade

Em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (26) para falar sobre a chegada de mais vacinas contra a Covid-19 em Goiás, o governador Ronaldo Caiado (DEM) também confirmou a reabertura do comércio.

É que na próxima quarta-feira (31) termina o prazo de 14 dias de fechamento de serviços não essenciais e, por isso, o governador permitirá que os estabelecimentos voltem a abrir as portas.

“Na terça-feira (30), publicaremos o novo decreto, normatizando aquilo que havíamos nos comprometido com a população goiana. Nós liberaremos dentro de um regramento, não de zoneamento”, disse.

PublicidadePublicidade

O decreto em vigor atualmente determina o revezamento de atividades econômicas, com 14 dias de suspensão e 14 dias de funcionamento.

“Com a abertura, dentro de um regramento mínimo, também não vai voltar festa, não vai voltar eventos. Esse processo é extensivo a todo o Estado de Goiás é um decreto que as prefeituras aderiram”, acrescentou o governador.

Mesmo que possam voltar a funcionar, todos os estabelecimentos devem seguir os protocolos de segurança, como uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade