PublicidadePublicidade

Bebê dado para adoção ao nascer vira caso de polícia em Anápolis

Mãe é jovem e desde o parto na Santa Casa deixou claro que não queria ficar com recém-nascido

Rafaella Soares Rafaella Soares -
(Foto: Reprodução)

Um caso delicado foi registrado em Anápolis na manhã desta segunda-feira (28), depois que uma conselheira tutelar precisou ser chamada às pressas para ir até a Santa Casa.

A profissional foi informada que uma jovem de 25 anos tinha dado a luz, mas não queria ficar com o bebê. Quando chegou na unidade, porém, a moça já havia recebido alta.

Com o objetivo de garantir que ficaria tudo bem com o recém-nascido, a conselheira conseguiu o endereço da casa da garota, no bairro Morumbi, e se deslocou até lá.

PublicidadePublicidade

A surpresa veio assim que foi recebida na porta e percebeu que não havia nenhum bebê na residência. Isso porque, pouco depois de ser liberada pelas equipes médicas, ela entregou o bebê para uma mulher, de 40 anos, que demonstrou interesse em adotá-lo.

A Polícia Militar teve de ser acionada e todos foram até o local em que o recém-nascido estava. Ele ficou aos cuidados da conselheira e foi encaminhado para um abrigo de acolhimento.

A mãe afirmou que não pode ficar com a criança porque não tem condições e o pai não ajuda com nada. Já a mulher que acolheu o bebê recebeu as orientações sobre os trâmites junto ao Juizado de Infância para a adoção legal.

As duas chegaram a ser levadas para a Central de Flagrantes, mas foram liberadas.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade