PublicidadePublicidade

Modelo brasileira morre no Chile após cair do 12º andar de edifício

De acordo com a imprensa local, ela morreu em "circunstâncias desconhecidas" na quarta-feira (07)

Folhapress Folhapress -
(Foto: Reprodução)

A modelo brasileira Nayara Vit, de 33 anos, morreu em Santiago, no Chile, após cair do 12º andar de um prédio residencial em uma área nobre da cidade. De acordo com a imprensa local, ela morreu em “circunstâncias desconhecidas” na quarta-feira (07).

Ainda, segundo a imprensa chilena, a família de Nayara quer que se investigue o caso de forma rigorosa. A prima da modelo, Flavia Puga, informou que a notícia da morte da brasileira foi anunciada pelo ex-marido da modelo, Oscar.

“Nós fomos informados por Oscar, ex-marido de Nayara e pai de Gabriela, sua filha 4 anos, por volta de 1h de quinta (8). Logo, o pai de Nay tentou falar diversas vezes com Rodrigo Del Valle [namorado] para entender o que tinha acontecido.”

PublicidadePublicidade

As tentativas, por sua vez, foram frustradas. Segundo a prima, as mensagens eram vistas, mas ignoradas. Mais tarde, Rodrigo teria retornado a ligação informado que não “poderia ter evitado a morte”.

Flavia também afirmou que a babá da criança disse ter escutado gritos e barulhos antes da morte. “Nós temos certeza que a minha prima não se matou. Ela não tinha depressão e nem tomava remédios psiquiátricos”, defendeu. Rodrigo ainda não se pronunciou sobre o assunto para a imprensa local.

Nayara morou em diferentes lugares ao redor do mundo, mas teria se encantando pelo Chile e escolhido o país para ficar. “Foi onde ela decidiu morar nos últimos 16 anos da vida dela”, contou Flavia.

A modelo chegou ao país em 2005 e ficou conhecida nacionalmente após participar do programa “Toc Show”, em 2015.

Famosos lamentaram a morte da modelo nas redes sociais. A apresentadora de televisão Vanessa Borghi escreveu: “Depois haverá tempo para analisar o que aconteceu, chorar e desabafar. Uma pessoa muito próxima se foi. Só peço que a família dela seja forte e fique unida”.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade