Hospital Alfredo Abrahão é inaugurado com expectativa de desafogar a UPA Vila Esperança e o HEANA

Só nesta terça-feira (09) a unidade deve realizar mais de 20 cirurgias eletivas, além de atender urgência e emergência ortopédica

Danilo Boaventura -
Sala de cirurgia do Hospital Municipal Alfredo Abrahão. (Foto: Bruno Velasco/ Secom)

Inaugurado nesta terça-feira (09) com pompas e prestigiado com a presença do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o Hospital Municipal Alfredo Abrahão deve realizar até o final do dia mais de 20 cirurgias eletivas.

Esses procedimentos, além dos atendimentos de urgência e emergência na ortopedia, são atualmente os maiores gargalos da rede pública em Anápolis.

A expectativa da Prefeitura é que, a partir de agora, as demais unidades de saúde da cidade, como a UPA da Vila Esperança e o Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HEANA) fiquem menos tensionados. Como adiantado pelo Portal 6, o Hospital Municipal Jamel Cecílio (HMJC) foi desativado pela Vigilância Sanitária.

Inaugurar o Hospital Municipal Alfredo Abrahão não foi fácil. Além das dificuldades de se terminar a obra, lançada há quase 03 anos, uma liminar concedida no Tribunal de Contas dos Municípios de Goiás (TCMGO) adiou em uma semana esse momento.

A medida cautelar solicitada pelo Ministério Público de Contas (MPC) colocou em suspeita a escolha da Associação Beneficente João  Paulo II, do Pernambuco, para gerir a unidade em caráter emergencial.

Ao discursar na inauguração, o prefeito Roberto Naves (Progressistas) evitou comentar diretamente essa situação, mas deu alguns recados ao criticar “quem fica nas redes sociais torcendo contra”.

Roberto Naves fala durante inauguração do Hospital Municipal Alfredo Abrahão. (Foto: Bruno Velasco/ Secom)

O mandatário também agradeceu ao Procurador Geral do Município, Carlos Alberto Fonseca, por conseguir a revogação da liminar no TCMGO e arrematou: “Nunca foi sorte, foi Deus”.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.