Jovem de 18 anos mata o padrasto para defender mãe de agressão

Durante discussão, mulher saiu correndo para pegar celular e, ao retornar, encontrou marido já caído no chão e ferido

Da Redação -
Corpo da vítima foi encontrado na rua, em Goianira. (Foto: Reprodução)

Um jovem, de 18 anos, matou o padrasto após ouvi-lo ameaçar agredir a mãe dele, no fim da quinta-feira (28), em Goianira, região metropolitana de Goiânia.

Tudo começou durante uma discussão, enquanto o casal ingeria bebidas alcoólicas em casa e o homem, de 34 anos, teria dito que bateria na mulher, de 40.

Foi então que o jovem entrou na briga para defender a mãe, que saiu da sala correndo para alcançar o celular e ligar para irmã do companheiro.

Ao voltar para o cômodo, não encontrou mais os dois e saiu para a rua para tentar encontrá-los. Já na frente de casa, ela encontrou o companheiro caído no chão, todo ensanguentado.

A Polícia Militar foi acionada por vizinhos, juntamente com o Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Logo que chegaram, as equipes de socorro perceberam que ele apresentava perfurações no tórax, nas costas e em um dos braços. Por conta da gravidade dos ferimentos, não sobreviveu.

Os policiais ainda fizeram uma varredura no local para tentar encontrar o jovem, mas não obtiveram sucesso.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.