Prefeitura deve abrir novos ecopontos para coleta de lixo em Anápolis

Espaços foram alvo de reclamações por parte da população pelo mau uso, mas já há processo para contratação

Lucas Tavares -
Ecoponto no Setor Sul II etapa, em Anápolis. (Foto: Captura/Google Street View)

Com a promessa de facilitar a coleta seletiva nos bairros e reeducar a população sobre o tema, Anápolis deve ganhar novos ecopontos.

A informação foi confirmada pelo secretário de Serviços Urbanos, Wederson Lopes, nesta segunda-feira (27), ao Portal 6.

“Estamos com novos ecopontos em processo de finalização de contrato e outros três já autorizados para contratação”, afirmou.

Atualmente, a cidade possui dois desses ambientes, preparados para receber diversos tipos de entulhos. Eles estão localizados no Setor Sul II etapa e no Adriana Parque.

De acordo com Wederson, cada um dos locais tem a capacidade de recolher, aproximadamente, 10 toneladas por dia.

Nos ecopontos é permitido o descarte de materiais de construção civil, móveis usados, restos vegetais, jardinagens e podas de árvores.

Lixos domiciliares e hospitalares, assim como resíduos químicos e animais mortos, são totalmente proibidos. Além isso, o limite máximo permitido é de 3m³ por pessoa.

Apesar da intenção das autoridades, moradores reclamam que a realidade é bem diferente. Eles afirmam que os ecopontos se tornaram lixões a céu aberto, o que faz a presença de insetos, ratos e  bichos peçonhentos.

Denúncias de irregularidades podem ser feitas pelos canais disponíveis da Prefeitura de Anápolis.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.