Estudo coloca Brasil como a segunda seleção mais valiosa da Copa; veja

País também tem em seu elenco o segundo atleta que mais vale desta Copa, Vinicius Júnior, de 201 milhões de euros

Folhapress Folhapress -
Vinicius Junior foi vítima de racismo em confronto contra o Valência. (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O CIES Football Observatory, plataforma internacional especializada em dados esportivos, divulgou nos últimos dias o ranking das seleções mais valiosas que estarão na Copa do Mundo do Qatar. Foi levado em conta os jogadores convocados por cada país para fazer a soma.

A Inglaterra ficou com a primeira posição, com um custo de mercado de 1,49 bilhão de euros (R$ 8,29 bilhões, na cotação de hoje). Os ingleses ainda contam com o jogador mais valioso do ranking, Jude Bellingham, de 202 milhões de euros (R$ 1,117 bilhão).

Os 26 jogadores convocados por Tite estão logo na sequência, com a seleção brasileira valendo 1,45 bilhão de euros (R$ 8 bilhões). O Brasil também tem em seu elenco o segundo atleta que mais vale desta Copa, Vinicius Júnior, de 201 milhões de euros (R$ 1,112 bilhão).

O top cinco também conta com França (1,337 bilhão de euros – R$ 7,39 bilhões -), Espanha (1,201 bilhão de euros – R$ 6,64 bilhões -) e Portugal (1,154 bilhão de euros – R$ 6,38 bilhões -), respectivamente.

Já na parte de baixo do ranking, a Costa Rica é a seleção menos valiosa do Mundial do Qatar, com apenas 23 milhões de euros (R$ 127,2 milhões). A vice-lanterna ficou com os donos da casa, valendo 29 milhões de euros (R$ 160,4 milhões).

A Copa do Mundo tem início no próximo domingo (20), com o jogo de abertura entre Qatar e Equador, às 13h (de Brasília). A seleção brasileira disputa sua primeira partida no dia 24, contra a Sérvia, às 16h (de Brasília).

Confira o ranking completo:
Inglaterra – 1,499 bilhões de euros
Brasil – 1,455 bilhões de euros
França – 1,337 bilhões de euros
Espanha – 1,201 bilhões de euros
Portugal – 1,154 bilhões de euros
Alemanha – 1,020 bilhões de euros
Holanda – 756 milhões de euros
Argentina – 748 milhões de euros
Uruguai – 590 milhões de euros
Bélgica – 562 milhões de euros
Croácia – 478 milhões de euros
Sérvia – 404 milhões de euros
Dinamarca – 403 milhões de euros
Suíça – 366 milhões de euros
Estados Unidos – 365 milhões de euros
Senegal – 315 milhões de euros
Marrocos – 315 milhões de euros
Polônia – 313 milhões de euros
Gana – 207 milhões de euros
Japão – 205 milhões de euros
México – 195 milhões de euros
Canadá – 193 milhões de euros
País de Gales – 181 milhões de euros
Camarões – 177 milhões de euros
Equador – 163 milhões de euros
Coréia do Sul – 159 milhões de euros
Tunísia – 57 milhões de euros
Irã – 53 milhões de euros
Arábia Saudita – 49 milhões de euros
Austrália – 38 milhões de euros
Qatar – 29 milhões de euros
Costa Rica – 23 milhões de euros

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.