Funcionária é agredida pelo ex na Estação Central: “amanhã tô preso e você no inferno”

Vítima estava trabalhando quando homem chegou e colegas precisaram intervir para protegê-la

Da Redação Da Redação -
Terminal, em Anápolis. (Foto: Reprodução/ Google Street View)

A não aceitação do fim de um relacionamento quase terminou em tragédia, após uma trabalhadora, de 28 anos, sofrer uma tentativa de agressão por parte do ex-marido, de 36 anos. O caso ocorreu neste domingo (01), na Estação Central de Anápolis – antigo Terminal Urbano.

O suspeito e a vítima foram casados por 06 anos, mas estavam separados há cerca 08 meses. A jovem, inclusive, já teria solicitado, em outra ocasião, uma medida de proteção contra o ex-companheiro.

No entanto, a ordem não foi capaz de afastar a aproximação do suspeito, que passou a ameaçá-la por meio das redes sociais. Em uma das mensagens, enviada na última quarta-feira (27), o homem chegou a afirmar que iria achá-la no dia seguinte e que ela estaria no inferno.

“Aguarda aí sentada que vou te achar. Amanhã tô preso e você vai tá no inferno (sic)”, escreveu.

Já neste domingo (1º), por volta das 11h, a jovem foi surpreendida com a presença do ex-marido no local que trabalha. Ele teria puxado o braço dela, no intuito de tirá-la da guarita, para iniciar as agressões.

No mesmo instante, ela pediu socorro para os colegas de trabalho, que conseguiram deter o suspeito e acionaram a Polícia Militar (PM).

Tanto o suposto autor quanto a vítima foram encaminhados até a Central de Flagrantes e caso deverá ser investigado.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade