Portal 6

Em tempos de pandemia, Câmara de Anápolis fixa gratificação de R$ 25 mil para cargo comissionado

Impacto mensal aos cofres públicos  já supera  a marca de R$ 80 mil 

por DANILO BOAVENTURA

 

Levantamento realizado pelo Portal 6 junto ao Sistema de Apoio ao Processo Legislativo, da Câmara Municipal de Anápolis, descobriu que desde fevereiro dezenas de servidores comissionados passaram a receber gratificações muito superiores ao salários que já recebiam.

A farra foi permitida a partir da Portaria 418, assinada por todos os membros da atual Mesa Diretora, que fixou o máximo de R$ 25.500,00 para a ‘função gratificada de Secretário Parlamentar’, cargo que é de livre nomeação dos vereadores.

Há casos em que os vencimentos dos beneficiados mais que dobraram, somando a cifra de quase R$ 10 mil no contracheque. Veja no infográfico a seguir:

Nenhuma das gratificações foram publicadas no Diário Oficial do Município — que é editado pela Prefeitura de Anápolis, mas que sempre esteve à disposição para a Câmara Municipal dar publicidade aos atos do Poder Legislativo.

Desde então, ao mesmo tempo em que concedia essas generosidades aos comissionados, os vereadores alugaram outro prédio no bairro Jundiaí, estabeleceram regime de teletrabalho e home office e aprovaram o decreto de calamidade pública na cidade por causa da pandemia do novo coronavírus.

O impacto mensal dessas gratificações para esse tipo de cargo já soma o total de R$ 81.787, 00 aos cofres públicos.

Silêncio

A reportagem procurou a Câmara Municipal para comentar o caso, mas não obteve retorno da assessoria de comunicação.