PublicidadePublicidade

Não foi possível resgatar nenhum trabalhador com vida em fazenda de Abadiânia

Operários trabalhavam na construção de um silo quando foram engolidos para dentro de buraco em deslizamento de terra

Da Redação Da Redação -

Terminou por volta das 15h30 desta terça-feira (30) o resgate para a retirada dos corpos de dois operários que trabalhavam na construção de um silo, em uma fazenda de Abadiânia, município localizado a 38 km de distância de Anápolis.

Welinton Ferreira dos Santos Júnior, de 20 anos, e Sérgio Silva Costa, de 22 anos, morreram asfixiados após um deslize de terra, ocorrido antes das 10h, que os engoliu para dentro de um buraco com seis metros de profundidade.

O local tinha aproximadamente seis metros de profundidade e quatro de diâmetro.

PublicidadePublicidade

Para fazer o resgate, comandado pelo Corpo de Bombeiros de Anápolis, foi necessário a ajuda de uma retroescavadeira.

Os corpos foram trasladados para o Instituto Médico Legal (IML) de Anápolis.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade