Jovem encontrada morta dentro de cisterna é identificada pela Polícia Civil

Mistério de como ela foi parar lá dentro ainda permanece

Da Redação -

A jovem encontrada morta dentro de uma cisterna, nas imediações da GO-330, após o Distrito Agroindustrial de Anápolis, na noite de quinta-feira (17), foi identificada como Tainara Raíssa, de apenas 18 anos.

De acordo com o radialista Marcelo Santos, ela estava desaparecida deste o último sábado (12) quando saiu da casa de uma ex-cunhada no bairro Vila Esperança para atender o celular e não voltou.

Devido o fato de ela ter sido encontrada fora da área de atuação da polícia de Anápolis, o caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Silvânia.

Ainda não há nenhuma informação que esclareça em que circunstâncias ocorreu essa morte.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.