Homens vão parar na delegacia após briga de trânsito em Anápolis

Envolvidos ainda apresentaram versões totalmente diferentes sobre o caso

Da Redação -

Um caso curioso foi registrado na Central de Flagrantes na noite da sexta-feira (25). Após uma briga de trânsito os dois envolvidos decidiram ir até a delegacia para registrar ocorrência um contra o outro por lesão corporal.

De acordo com o radialista Marcelo Santos, a discussão ocorreu na Rua Bolívia, no bairro Antônio Fernandes, entre o motorista Jorge Henrique da Silva e o motoqueiro Jonathan Costa Ramos.

Em depoimento, Jorge contou que foi cortado pelo motoqueiro na região da Vila Santa Isabel e, por isso, decidiu descer e tirar satisfação com o rapaz, que era entregador e estava conduzindo a motocicleta do estabelecimento em que trabalha.

Neste momento, Jonathan teria desferido contra ele um golpe com o capacete e os dois entraram em luta corporal.

Essa versão, no entanto, foi desmentida pelo motoqueiro, que alega foi Jorge quem o fechou enquanto dirigia uma caminhonete modelo Hilux.

Em seguida, Jorge teria feito Jonathan parar e o ameaçado de morte, além de também chutar a moto e o bagageiro.

Ninguém foi preso, mas agora os dois terão que resolver a situação na Justiça.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.