Portal 6

Bolsonaro não tem “virtudes ilibadas” para receber cidadania goiana, defende relator

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Parlamentar também pondera que a indisposição do presidente com os países árabes e com a China, grandes importadores dos produtos goianos, prejudicam o Estado

O título de cidadania goiana ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) pode não ser concedido pela Assembleia Legislativa de Goiás (Alego).

Relator do projeto, o deputado Vinícius Cirqueira (PROS) apresentou parecer contrário nesta terça-feira (02) durante a reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ).

Segundo o parlamentar, a matéria contém problemas técnicos, como a falta de 22 assinaturas de deputados estaduais e uma relação de serviços prestados à sociedade goiana.

Vinícius Cirqueira também afirmou que o presidente tem adotado posicionamentos em detimento dos interesses de todo o país e ponderou que a indisposição com os países árabes e com a China, grandes importadores dos produtos goianos, prejudicam o Estado.

O relator ressaltou ainda que Bolsonaro não possui “virtudes ilibadas” necessárias para receber tamanha homenagem e citou como exemplo ““assumida apologia de práticas criminosas” e  “sucessivas declarações de desapreço à democracia”.

Com pedido de vistas do deputado Álvaro Guimarães (DEM), a votação do projeto,  de autoria do deputado Delegado Humberto Teófilo (PSL), deve entrar em votação na CCJ na próxima quinta-feira (04).

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.