Portal 6

Valentão ficou sem a moto no bairro Jundiaí e teve coragem de dizer isso para PM

(Foto: Reprodução)

Imediatamente, ele recebeu voz de prisão e justificou a grosseria para o delegado

Já era madrugada desta quarta-feira (21) quando Aynoa de Pina Borges, de 24 anos, foi liberado para ir embora da Central de Flagrantes da Polícia Civil de Anápolis.

No final da noite de ontem (20), ele arrastava uma Honda Titan pela Avenida Santos Dumont, no bairro Jundiaí, quando chamou atenção de uma viatura da Polícia Militar que fazia o patrulhamento na região.

Nada de ilícito foi encontrado com o rapaz, mas a moto dele estava com o licenciamento vencido, situação em que o veículo precisa ser apreendido e levado para o Centro Pátio.

Conforme o Boletim de Ocorrências, a partir daí Aynoa ficou possesso e passou a dizer impropérios aos policiais.

“Seus cuzões! Vocês não podem prender minha moto. Seus PM’s pau no c…”, esbravejou.

Imediatamente, ele recebeu voz de prisão e foi autuado por desacato.

Ao delegado plantonista, o jovem disse que também foi chamado de “chulezento” e “vagabundo” pelos policiais e merecia um melhor tratamento por ter estudado no colégio militar.

Quer comentar?

Comentários




Nosso Twitter



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.