Portal 6

ONG fará bazares para pagar quase R$ 50 mil de tratamentos de animais em Anápolis

(Foto: Divulgação)

Patas Solidárias já mantém mais de 250 bichinhos que foram abandonados na cidade

Conhecida por cuidar e buscar lares para animais abandonados em Anápolis, a Patas Solidárias está organizando dois bazares que terão renda revertida para quitar uma dívida de quase R$50 mil, oriunda do tratamento de vários dos bichinhos.

O primeiro, batizado de bazar do bem, acontecerá no dia 1º de dezembro, das 13h às 17h, no Hotel Nobile Inn London, que fica na rua Coronel Batista, no Centro da Cidade.

Já o segundo, tradicionalmente conhecido na cidade por Brechó Chic, será no dia 07 de dezembro, das 09h30 às 16h, no Colégio Galileu, localizado na Avenida Santos Dumont, no bairro Jundiaí.

Em ambos os eventos serão comercializadas roupas (feminino, masculino e infantil), calçados, brinquedos, utilidades domésticas, itens de decoração, artesanato, acessórios e bijuterias.

Os valores das peças custarão a partir de R$ 2 e serão aceitas diversas formas de pagamento como dinheiro, cartão de débito e crédito, sendo que para os cartões haverá opção de parcelamento para compras a partir de R$200.

Ao Portal 6, Adriana Oliveira Silva, uma das integrantes da Patas Solidárias, contou que a realização de dois bazares tão próximos é uma medida desesperada para tentar começar 2020 sem dívidas e continuar mantendo mais de 250 animais que são abrigados na ONG.

“A situação está bem complicada. Vários cães do abrigo adoeceram, precisaram de cirurgias, outros de internações, além de vários exames. Também fizemos um resgate de um canil clandestino que o tratamento de todos os animais ficou em mais de R$10 mil. Então os bazares é uma forma de tentar arrecadar o máximo”, explicou.

Segundo Adriana, a Patas Solidárias também está arrecadando doações de peças em bom estado de conservação que possam ser comercializadas nos eventos.

“Precisamos de muitas doações, que podem ser deixadas na Drogaria São Geraldo (Boa Vista), Cartoner (Jundiaí), Acaizar (Jundiaí), Styllus Calçados (Centro) ou na Ednair Fernandes (Jundiaí). Caso alguém não consiga entregar, pode entrar em contato pelo direct do Instagram”.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.