Siga essas dicas e economize energia elétrica durante a pandemia

Denilson Boaventura -

Com o avanço do Covid-19, o novo coronavírus, no Brasil a orientação das autoridades é para que as pessoas não saiam de casa. Diante desta situação, as aulas foram suspensas na maiorias das unidades de ensino em Anápolis e o home office passou adotado em muitas empresas.

Por tudo isso, a tendência é que o consumo de energia elétrica aumente neste período de pandemia. Responsável pelo serviço em Goiás, a Enel enviou diversas orientações, por exemplo, para quem precisa transformar um cômodo da casa em escritório.

Computadores, ar condicionados e iluminação estão entre os itens que podem ser usados de maneira mais consciente sem atrapalhar a produtividade do trabalho. Da escolha do ambiente ao uso dos equipamentos domésticos, há oportunidades de economizar energia em toda a rotina de home office.

Trabalhar em um ambiente pouco iluminado ou abafado vai exigir luzes acesas mesmo durante o dia e ventiladores ou equipamentos de ar condicionado ligados o tempo todo. Por isso, é importante dar preferência a ambientes arejados e com bastante iluminação natural para não desperdiçar energia elétrica.

Outra dica é prestar atenção aos equipamentos elétricos ligados, para mantê-los funcionando apenas quando for necessário. É comum, por exemplo, as pessoas deixarem TV e computadores ligados ao mesmo tempo, sem estarem usando os dois equipamentos.

Vigiar os aparelhos de celular e notebooks enquanto recarregam a bateria também é fundamental para não deixar os equipamentos na tomada mais tempo do que o necessário. Nas pequenas pausas, desligue o monitor do computador, já que ele é responsável por cerca de 70% do consumo de energia do equipamento. Além disso, mesmo no modo stand-by os eletrodomésticos consomem energia.

Passar mais tempo em casa também pode ser uma oportunidade de observar melhor os hábitos de consumo não apenas de quem está trabalhando à distância, mas de toda a família. Confira abaixo outras dicas para economizar energia:

Iluminação e climatização: aproveite a luz natural e abra janelas e cortinas durante o dia. Para paredes e tetos, dê preferência às cores claras, que refletem melhor a luminosidade. Troque lâmpadas incandescentes por fluorescentes ou LED, que consomem de 60% a 80% menos energia;

Geladeiras e chuveiro elétrico: não abra a porta desnecessariamente. Verifique se a borracha de vedação da porta está cumprindo sua função e nunca utilize a parte traseira do equipamento para secar roupas ou sapatos. Para o chuveiro, escolha um horário fixo para tomar banho e não consumir em excesso. O chuveiro elétrico é um dos aparelhos que mais consomem dentro de casa.

TVs e outros equipamentos elétricos: não deixe aparelhos ligados sem que haja alguém usando. No caso das TV, programe sempre o timer na hora de dormir (desligamento automático).

Computadores e celulares: só deixe carregando quando realmente for necessário. Quando estiver totalmente carregado, retire o carregador da tomada.

Stand-by: desligue ou tire da tomada quando não estiver usando um eletrodoméstico. Não deixe os aparelhos em stand-by.

Não esqueça: sempre desligue os aparelhos ao sair de um ambiente. Nas pausas para o almoço ou intervalo, faça o mesmo.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.