Anápolis volta a registrar caos no trânsito em segundo dia de vacinação

Vias como a Brasil Norte, Universitária e São Francisco já estavam intrafegáveis pouco após às 07h

Danilo Boaventura -

Os esforços por parte da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) e Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMT) para evitar filas quilométricas de carros, no segundo dia de vacinação contra a influenza em idosos, pelo esquema de drive-thru, não foram suficientes.

Muito antes do início da imuninação, previsto para ocorrer a partir das 09h desta quinta-feira (02), as principais avenidas de Anápolis e ruas adjacentes apresentavam congestionamento de veículos.

Vias como a Brasil Norte, Universitária e São Francisco já estavam intrafegáveis pouco após às 07h.

Avenida Universitária no início da manhã desta quinta-feira (02). (Foto: Divulgação)

Na região Sudoeste da cidade, as vielas do bairro IAPC e Jardim Goiano também se encheram de carros e motos. Moradores tiveram dificuldades para sair de casa devido à obstrução de garagens.

O mesmo também foi observado no bairro de Lourdes e Parque Brasília, bairros da região Leste.

Imunização

Embora reconheça os transtornos e os problemas de organização, a Prefeitura de Anápolis considera um acerto a adoção do esquema de drive-thru para vacinar pessoas com mais de 60 anos.

Na última segunda-feira (30), quando a imunização foi testada pela primeira vez, o prefeito Roberto Naves (PP) informou nas redes sociais que cerca de dez mil idosos foram atendidos.

A administração municipal ainda não divulgou se repetirá a mesma estratégia nos próximos dias.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.