PublicidadePublicidade

Mãe encontra pornografia em celular e descobre que filha está sendo estuprada em Anápolis

Aos prantos, garotinha confidenciou os detalhes do crime e revelou porque nunca havia contado nada

Da Redação Da Redação -

Uma moradora do Parque dos Pirineus, região Norte de Anápolis, procurou a Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (DEPAI) para denunciar que a filha, de 11 anos, estaria sendo vítima de estupro.

A mãe contou que a criança tem um celular e sempre supervisiona o conteúdo que ela acessa. Nesta quarta-feira (26), durante a inspeção no aparelho, encontrou conteúdo pornográfico.

Ao questionar a filha, ela começou a chorar e disse que um adolescente, de 16 anos, que é filho do padrasto da mãe, enviou o vídeo, mas que também pegava nas partes íntimas dela e a obrigava a fazer sexo oral nele.

PublicidadePublicidade

A garotinha também contou que o rapaz tem o costume de ficar a observando no banho e que já havia tentado uma conjunção carnal, mas que ela não deixou.

A situação só não foi revelada antes, segundo a menina, porque o adolescente teria dito que mataria toda a família se alguém ficasse sabendo do que estava acontecendo.

Os abusos teriam ocorrido na casa da própria vítima, do suposto autor e da avó da criança.

Registrado como estupro de vulnerável, o caso já está sob a responsabilidade da Polícia Civil.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade