PublicidadePublicidade

Após defender cachorro, esposa é mordida e espancada pelo marido

Caso também chama atenção pela idade da vítima e o autor estar foragido

Caio Henrique Caio Henrique -

Um caso absurdo de violência doméstica ganhou as manchetes de veículos de comunicação de todo o Brasil nesta quarta-feira (16).

Isso porque uma adolescente, de 16 anos, foi agredida e gravemente ferida pelo próprio marido, de 18 anos, após tentar proteger o cachorro da família, que também estava sendo alvo de agressões do jovem.

O caso ocorreu no domingo (13), em Belo Horizonte, capital do estado de Minas Gerais.

De acordo com o relato da moça à Polícia Militar (PM), a ação aconteceu enquanto eles se preparavam para passear com o animal, que é da raça pitbull.

A origem de toda a confusão teria sido a fuga do cão, que conseguiu escapar da coleira e subir no sofá da casa. Isso teria sido o suficiente para esgotar a paciência do suspeito, que começou a bater no animal.

A jovem, então, partiu em defesa do pitbull e também foi agredida, resultando em uma série de graves ferimentos.

Ela teve o nariz quebrado, um corte de faca na parte de trás do pé esquerdo e também um olho inchado.

Outro machucado que chama a atenção são as marcas de mordidas nos dois braços que, apesar de ter um cachorro envolvido, teriam sido deixadas pelo próprio agressor.

A agressão só teria terminado quando uma vizinha apareceu para socorrer a vítima, que já estava desmaiada.

Ela foi encaminhada para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, também na capital mineira, para receber os devidos cuidados médicos.

O suspeito fugiu após a chegada da vizinha e se encontra foragido desde então.

O caso já está sendo investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), que abriu inquérito e ouviu a vítima.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade