PublicidadePublicidade

“Uma forma de divulgação que ajuda demais a gente”, defende locutor do avião do Circo Las Vegas

Em entrevista exclusiva ao Portal 6, o artista faz relato emocionante sobre os dias difíceis na pandemia e diz que ‘foi sorte estarem em Anápolis'

Caio Henrique Caio Henrique -

É difícil citar o nome “Circo Las Vegas” em Anápolis e não pensar, logo de cara, no avião publicitário que sobrevoa os céus da cidade quase que diariamente divulgando os espetáculos.

Porém, por trás da aeronave se esconde uma história de sobrevivência, esforço, dedicação e, principalmente, muita identificação com o povo anapolino.

Foi o que descobriu a reportagem do Portal 6 no final da tarde desta sexta-feira (06), em entrevista exclusiva com Mykc Macedo, locutor e funcionário do Circo Las Vegas há mais de cinco anos.

PublicidadePublicidade

Expectativas frustradas

Na conversa, ele contou como, após viver uma vida dentro do circo, dando sequência à quarta geração da família que mantém a arte como forma de ganhar a vida, teve que “se virar” para sobreviver após o surto da pandemia do novo coronavírus.

“Era pra ser 40 dias de parada no início, né. Então pensamos que daria para manter, mas aí aumentou mais 15, mais 15 e mais 15 dias”, conta.

“Tive que ir trabalhar em Curitiba. Nunca imaginei minha vida fora do circo. Teve outros funcionários que foram vender água mineral no semáforo”, acrescentou.

Myck explica que haviam chegado na cidade algumas semanas antes do decreto que instaurou a quarentena geral, no dia 16 de março, e que não conseguiram se apresentar nem por uma semana, antes de ter que fechar as portas.

circo fechado

(Foto: Camila Vaz)

Parceria inesperada

Ele também conta que “a sorte deles foi estar em Anápolis quando isso tudo aconteceu”.

“Se não fosse o pessoal aqui da cidade, eu não sei o que seria da gente. Foi jantinha, café, almoço, janta e várias cestas básicas. O povo de Anápolis ajudou demais a gente”, explicou emocionado.

Contudo, a ajuda não ficou restrita apenas ao período de pandemia – que sempre ao ser mencionado foi caracterizado por Myck como “muito ruim”.

Isso porque, no dia 03 de outubro, o circo ganhou permissão para voltar a funcionar –  “com todas as medidas preventivas”, deixou claro o locutor.

A volta dos espetáculos não foi recebida de braços abertos logo de cara, ele também ressaltou. Seja por medo da pandemia, ou certa desconfiança por outros motivos, a população demorou um pouco para voltar a preencher as cadeiras do show.

Mas agora, segundo ele, tudo está voltando ao esperado.

circo aberto

(Foto: Camila Vaz)

Polêmica do avião

Porém, o retorno oficial das apresentações não veio sozinho, mas sim acompanhado do, agora famoso, avião do Circo Las Vegas.

aviao

(Foto: Captura)

Myck destacou que foi uma surpresa para todos quando ficaram sabendo das reclamações de barulho e importunações.

É que, de acordo com ele, nunca sofreram com isso em nenhuma outra cidade ou situação, durante os quase três anos que fazem uso da estratégia publicitária.

O funcionário também foi rápido ao fugir de qualquer polêmica e se solidarizar com a situação de cada um.

“A gente tenta agradar a todos, né? Nem Jesus conseguiu, mas a gente tenta”, disse entre risos.

Segundo ele, uma conversa já foi alinhada com a Prefeitura, para determinar melhores horários de funcionamento. Por outro lado, o locutor também destacou que o avião nunca circulou na parte da noite, até por não ter o aparato legal necessário para este tipo de voo.

Quanto às divulgações matutinas, disse nunca ter ocorrido antes das 8h-8h30. “O objetivo é alcançar as pessoas, não tem lógica fazer isso com a maioria dormindo”.

A partir de agora, o avião concordou em circular das 09h às 12h na parte da manhã e das 15h às 17h no período vespertino.

“Mas vamos priorizar os voos à tarde, para evitar problemas”, pontuou.

A todos aqueles que se sentiram incomodados com a aeronave, o funcionário fez questão de se desculpar, em nome do circo, e deixar claro que não foi com nenhuma intenção ruim.

“Queremos pedir desculpas, não foi nossa intenção acordar ou perturbar ninguém. Nossa única intenção era chamar o povo, porque a gente depende 100% do povo. Até porque se o povo não vir, a gente morre de fome”.

“Mas gostaria de reforçar as desculpas e dizer que não vai acontecer de novo. Vamos combinar com o piloto para voar mais tarde”.

As pessoas que defenderam o circo e justificaram a elaborada propaganda também foram lembradas pelo representante do circo.

“Temos que agradecer muito à esse pessoal que entendeu nosso lado, que entendeu que não foi de má intenção, foi só uma forma de divulgação que ajuda demais a gente, mais que 20 carros de som”.

“Mas o que eu realmente quero pedir a todos, independente de tudo, é: venham ao circo”, finalizou.

Aos que ficaram interessados, o Circo Las Vegas está localizado na Avenida Brasil, próximo ao Brasil Park Shopping e fornece espetáculos diários.

De segunda a sexta às 16h e, aos finais de semana e feriados, o show ganha novos horários e se apresenta também às 18h e às 20h.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade