PublicidadePublicidade

Jovem estava com ‘árvore de Natal’ diferente em casa e jura que é só ‘agricultor’

Policiais constataram que ele cuida do plantio com muito carinho e usa técnicas avançadas do agronegócio

Da Redação Da Redação -

Um jovem de 25 anos, morador do bairro São Carlos 1ª Etapa, teve de ser levado até a Central de Flagrantes de Anápolis nesta quinta-feira (26), após ser alvo de uma denúncia anônima.

Policiais militares souberam que na casa dele estaria sendo cultivada a “skunk”, uma droga conhecida como super maconha e que, normalmente, é comercializada por um valor muito elevado.

Assim que chegaram no endereço, a equipe entrou em uma mata que fica nos fundos da residência e acabou encontrando uma estufa, onde o entorpecente estava sendo plantado.

PublicidadePublicidade

Além das pequenas árvores de skunk na estufa, o suspeito ainda contou que havia dentro da casa dele um pote com mais sementes e um outro pé que estava pronto para passar por um processo de maturação (amadurecimento).

Antes de ser levado para delegacia, ele ainda confessou aos agentes que estava responsável pelo cultivo da super maconha.

O caso foi registrado como posse de drogas para consumo pessoal. O suspeito já tinha passagem pelo mesmo crime.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade