PublicidadePublicidade

Polícia Civil de Goianésia investigará homem que arrancou cabeça de pitbull com machado

Cão teria saído de casa após amigos de filho da proprietária terem deixado portão aberto

Da Redação -

A Polícia Militar de Goianésia precisou se mobilizar neste sábado (05) para atender uma grave ocorrência de maus tratos a animais no Residencial Ipê, bairro da região Norte do município que fica a 140 km de Anápolis.

É que um homem, de 35 anos, atacou um cachorro da raça pitbull, pertencente à vizinha, com um arpão e depois decepou o pescoço do animal com um machado.

Após a chegada dos militares, ele se justificou dizendo que o cão havia escapado da casa da dona e atacado um cachorro de rua, que sempre anda pelas redondezas do bairro.

No momento do ataque, ele afirmou que a neta estava próxima do cachorrinho de rua, por isso ele interviu e atacou o animal.

A dona do pitbull também foi ouvida pelos policiais e afirmou que não estava na casa durante a confusão e que o portão teria sido deixado aberto pelos amigos do filho que se encontravam na residência.

O suspeito foi encaminhado até a delegacia local e prestou depoimento. O caso agora será investigado pela Polícia Civil de Goianésia.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade