PublicidadePublicidade

Em Anápolis, grávida precisou agir rápido para livrar filhinha de ação criminosa

Da Redação Da Redação -
(Foto: Gabriella Lícia)

Policiais militares tiveram de se deslocar até o Jardim das Américas 2ª Etapa, em Anápolis, nesta segunda-feira (18), para atender um pedido desesperado de socorro.

É que uma jovem de 24 anos, grávida, acionou a viatura para denunciar que tem um companheiro usuário de drogas, de 28 anos, e ele apareceu em casa transtornado.

Quando a equipe chegou no local, encontrou a vítima com uma criança de colo. Ela contou que foi alvo de empurrões e ameaças de morte.

PublicidadePublicidade

Situações como essas, de acordo com a jovem, seriam constantes. Mas, desta vez, o amásio também teria tentado jogar a filha dela no chão.

Com medo de que algo pior acontecesse, conseguiu se desvencilhar, pegar a garotinha e correr com ela para se esconder na casa de uma vizinha.

Os policiais então entraram na residência e, com muito esforço, conseguiram algemar e dar a voz de prisão para o suposto agressor.

Na Central de Flagrantes, no entanto, o registro da ocorrência foi cancelado, porque a vítima desistiu de representar criminalmente contra o companheiro.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade