PublicidadePublicidade

“Vamos precisar tomar medidas mais enérgicas para Anápolis não virar Manaus”, adianta Roberto

Avatar Danilo Boaventura -
PublicidadePublicidade

Visivelmente tenso e com semblante preocupado, o prefeito Roberto Naves (PP) usou o tempo de fala que teve na sessão remota de prestação de contas na Câmara Municipal, realizada na manhã desta sexta-feira (26), para fazer diversos alertas em relação à pandemia em Anápolis.

Como mostrado pelo Portal 6 na noite anterior, Anápolis tem 37 leitos de UTI ocupados dos 50 que a Prefeitura conseguiu montar exclusivos para pacientes da cidade.

A maior parte deles estão divididos em unidades da rede municipal, mas já há anapolinos sendo transferidos para Goiânia. Na capital há mais 15 leitos alugados em caráter de urgência pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

PublicidadePublicidade

“Quero acreditar que o número de internação possa começar a cair dentro das próximas 72h. Não acontecendo isso, nós vamos precisar tomar atitudes mais enérgicas para que a gente não transforme Anápolis numa nova Manaus”, alertou Roberto.

O prefeito disse ainda que esse temor “não está longe de acontecer”, reforçando o que já havia sido dito pelo governador Ronaldo Caiado (DEM) sobre a expectativa de que o próximo mês seja o pior já enfrentado no estado desde o início da pandemia.

“Ele não está brincando, não está blefando. Março infelizmente vai ficar para a história do estado de Goiás”, emendou.

Antes de falar sobre outros assuntos, como a situação fiscal do município, o prefeito fez um apelo aos parlamentares, imprensa e internautas que estavam acompanhando a transmissão.

“Fica aqui o meu apelo a todos vocês que estão nos assistindo, a todos os vereadores. Para que a gente possa estar falando a mesma língua e utilizar todos os veículos para conscientizar a população”, pediu.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade